AMIGOS de ANDRÉ MUSTAFÁ

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

DESAFIOS DA ESCOLA


DESAFIOS DA ESCOLA

"Vivemos o desenvolvimento tcnologico, mas ao mesmo tempo imaturidade politica e social". (prof. Rui Canário / Universidade de Lisboa)
Arvore dos desejo ou guarda-chuva dos sonhos. Exposição Trilhas realizado no
Instituto Padre Haroldo, aprendendo com sensorialidade.



Essa imaturidade é consequencia do modelo escolar. A escola produziu imaturos politicos-sociais. Até a década de 50 a escola voltou-se (aqui no Brasil) para a reflexão e o pensamento (a formação era ampla - filosofia, arte, sociologia...) era uma formação abertae reflexiva. No entanto era uma escola elitista, voltada para poucos. A escola estava preocupada em desenvolver líderes "doutores". Esse mecanismo de exclusão da educação era o prêmio aos melhores.

Com a industrialização as pessoas precisaram minimamente saber ler e escrever. Nasce a escola de massa e o modelo dessa escola é a escola de fábrica. Agora a escola é sériada e os conteúdos são chamados de disciplina. É o sentido da palavra disciplia é rotina. Portanto disciplina é um metodo pelo se conforma o sujeito ao objeto. A criança não pode comer o brigadeiro antes de cortar o bolo. Sabe la porque! As aulas agora só tem 50 minutos. Você já imaginou dar uma aula de arte em 50 minutos? Quando os alunos começam a entrar no assunto toca o sino da escola (e observem que sinal sonoram também é coisa de fábrica). A nossa escola segmentou o maximo o saber e isso é caracteristica da linha de montagem das fábricas.




Outra segunda caracteristica de nossos tempos: a escola como reformatório ou escola como uma prisão (Regime Militar) o que o nosso curriculo como "grade escolar", ou "grade curricular" está querendo dizer por trás disso? Por trás disso meus senores temos as "disciplinas" as avaliações são chamadas de "provaas" ou seja, você é um condenado: cheg na avaliação condenado e tem que provar que você é inoscente e ai você passa de ano. Você vai ser absolvido. Esse tipo de escola tinha o desejo de produzir na sociedade: 1) - passividade, 2) - disciplina, 3) - ausência de uestionamento crítico e 4) - repetição e não criação de conteúdo. A arquitetura dessas escolas são alas isoladas, com grandes corredores, totalmente vigiada e monitorada... as escolas não tem arejaento entre os processos, assim perdemos a noção de conjunto, unidade, praticipação, relacionamento. A escola se tornou um espaço isolado.


A carcteristica de escola como prisão/reformatório é afastar nossas crianças das ruas: porque se entende que nas ruas tem violências, drogas... A escola é culpada de tudo isso? Do que acontece na sociedade? É na escola que se pode resolvero problemas das drogas, por exemplo? Mas onde está a produção de conhecimento e discussão? É quase uma penalidade das crianças estarem na escola. As crianças estão nas escolas cada vez mais tempo (tempo integral). Mas se a escola é isolada do mundo, fragmentada, voltada para discipplinas com uma hierarqui absurda onde o aluno deve respeitar o professor, mas o professor não respeita o aluno, como o aluno vai aprender cidadania? Ética? Cidadania não exige que as pessoas vivaam na cidade? 

A Escola não vai a cidade. A nossas escolas não frequentam museus, não frequentam parques... toda escola deveria, antes de tudo, ter onibus, para levar essas crianças a rua. olhar o mundo. Tira-las das paredes da sala. Não precisa ser somente um museu ou parque, o seu manoel da padaria para ver fazendo pão? Como podemos aprender a formar um ser humano se ele isola-se do mundo em 4 paredes. Uma escola fragmentada e passiva. Onde será que o conhecimento encontra-se com a vida? Aprende-se e decora-se todos os afluentes do rio amazonas, mas nunca estivemos lá.

André Mustafá terminando a cabeça do minotauro. Espetáculo junto com os jovens no final do ano.


Todo o mundo tem influência do idealismo plaatônico: quanto mais o meu conhecimento é abstrato, mais distante ele é dos processos e maior ele é? Exemplo disso, é em uma aula de botânica, são os professores que preferem o quadro em um desenho de planta, do que abrir a janela e mostrar a planta. É importante o acontecimento e a vida. Ser´que conhecer profundamente uma coisa é possivel? Msmo superficialmente, conhecer algo, é possivel? Com esse sistema escolar... é possivel? Será que esse grau de abstração é realmente elevado de conhecimento? Essas são perguntas que precisam ser feitas ao professor. Porque o professor vai para rua e parques e não foi antes? Vai a esses lugares, pela valorização das idéias e não da vida. Isso caracteriza abstração do pensamento. O processo de abstração do pensamento privilegia a palavra e unida a uma escola fragmentada, isolada da sociedade, que promove a passividade e acumulo de conhecimento abstrato, chamamos essa escola de "conteudista". Assim é o perfil do cidadão que temos hoje.

Como você quer que uma pessoa perceba que jogar um papel no chão, vai entupir o esgotto e a agua vai subir e entrar na casa dela ou de outras pessoas? Porque isso (não parece) mas é um processo de alta complexidade. É preciso que nós sejamos capazes de perceber o todo para falar de meio ambiente por exemplo, porque se não vira um discurso vazio, decorado (como as provas das escolas). Decorar o discurssão de não jogar o papel no chão torna as crianças paranóicas. Então começamos a acreditr que somos seres realmente isolados quando nao conseguimo ver o todo. Quando sentamos nas cadeiras nas salas de aula o que vemos por longos anos é a nuca da criança ou adolescente da frente.



Ética não pode ser pensada como: "vou ser bo para a sociedade". Não!: ser ético é cuidar de si mesmo; percebemos as coisas isoladas porque é caracteristica do ser humano contemporâneo; de associar coisas, de juntar o que é semelhante e aí damos sintese. Mas as coisas em si estão conectadas. Ético é um ser humano que entende que cada gesto dele tem um desdobramento infinito e que ese desdobramento vai recair sobre ele, não como uma culpa, mas como consequencias de uma cadência de coisas e ações anteriores. Ético é um ser humano que entende que não há nada isolado e por isso presta atenção nas pequenas coisas. 

A segmentação do saber é um processo de alienação. Alienação é um conceito de que alguem produz algo desvinculado do seu processo de vida. A escola é um espaço de alienação. O tempo inteiro, vinte e quatro horas por dia, a escola reinventa a alienação, por isso a escola é um espaço de alienar individuos. Assim qual o sentido da educação? Como uma escola pode formar alunos para pensar por sí próprios? Como o aluno pode aprender a ser extraordinário, fantástico e genuino? As crianças quando bem pequenas vão para suas scolinhas e tem contato com agua, cheiro, cores, plantass... fazem hortas e depois quando võ para o ensino fundamental ficam duas horas sentados e saem para o intervalo e depois voltam e permanecem entados por mais duas horas sentados. Isso é uma passividade do corpo inacreditável. É a abstração do pensamento. Andar não se aprende andando, se movimentando? Como podemos aprneder algo parado? Isso produz uma pessoa alienda, distante dos processos sociais. Incapaz de interferir na sociedade. 

André Mustafá em ampliação de repertório sobre cultura negra

O problema meus senhores e minhas senhoras e mais profundo: disrespeito a nossa humanidade. A humanidade precisa sari de sua eterna adolescencia. Alegria é compartilhar, então porque essa segmentação? A escola nos forma para que? Como pensar no todo em uma escola fragmentada? Quais as questões do mundo hoje? Aquecimento global. Essa questão trouxe de volta o mundo. Se isso não existisse cada um continuaria vivendo olhando para o seu umbigo e deprimido. Porque depressão é falta de vida. Falta de força. Felimente essa questão ambiental, veio puchando essa questão planetária. Saímos do período da expanção maritima e descoberta de novos continentes, para uma questão galática. Isso não é coisa de doidão. É saber onde você está no mundo. Qual é realmente o seu endereço sideral.

Essa pessoa que vive deslocada de sua sociedade e das relações. Onde se dá o retro-alimento? Onde se recarrega as baterias? Se uma pessoa não entende que ela pode lidar com os complitos e com as contradições e porque não coneseguem entender que exercitamos, desde muito sedo, a entender que nossa linguagem e nosso pensamento não nos deixará. Porque o "cala a boca menino", "não mexe nisso garoto", "tira a mão disso"... produziu a apatia e nos colocou em conservas dramaticas. Como esse adulto vai se relacionar com o mundo? Agora em nosso modelo cognitivo, tem um tal de planet que ninguem esquece. Se o problema vem universal e eu vou fragmentado, como eu lido com esse questão? Eu não vou lidar.

André Mustafá preparando uma aula sobre simbolos adinkras 



A primeira caracteristica dessa processo e a sensação de impotencia. O problema (por exemplo) de aquecimento global nos imppulssiona a uma encruzilhada: ou redirecionamos a sociedade para novos modos de vida, ou não existirá sociedade. Essa encruzilhada é comflitante mais é maravilhosa. 

ARTE NAS ESCOLA - SAÍDA DAS ENCRUZILHADAS

" se você não tem duvidas, você está mal informado' milor fernandes.

Sabedoria ou sábio é aquele que duvida. Mas onde tenho a experiencias de errar, de criar duvidas ou novos caminhos? É na Arte (continua em outro artigo).


André Mustafá pintando a barriga da esposa. Paixão viva!!!